Na década de 1980 a ICAO reuniu um comitê especial para refletir sobre o desenvolvimento de tecnologias da navegação aérea, o então FANS (Future Air Navigation System / Sistema de Navegação Aérea do Futuro).

Um produto da análise do comitê foi a criação de um sistema digital de comunicação para troca de dados via satélite, em substituição ao uso de rádio que impõe restrições de alcance, qualidade e transmissão bilateral simultaneamente.

Atualmente o CPDLC (Controller Pilot Data Link Communications / Comunicação por Enlace de Dados Controlador-Piloto) já se consolida em operações oceânicas como o principal recurso para comunicação das aeronaves com o controle de tráfego aéreo ao redor do mundo, sendo muito utilizado por exemplo nas aerovias do Atlântico Norte e no eixo Brasil-Europa.

Em nosso país, neste momento o DECEA tem dado foco na implementação do projeto CPDLC Continental. Isso ativará o uso da ferramenta de comunicação digital em espaço aéreo terrestre, começando o treinamento das equipes de controladores e supervisores da FIR Recife no uso dos equipamentos e processos necessários para a comunicação baseada em enlace de dados.

Com tais ações, tem sido dado foco em reportagens da mídia que a tecnologia CPDLC reduz as barreiras de linguagem. Evitando por exemplo as dificuldades no entendimento do idioma inglês utilizado nas transmissões de rádio entre aeronaves estrangeiras e controladores brasileiros.

Ainda que o aspecto ressaltado nesses textos seja uma questão relevante, acredito que enquanto aviadores temos a oportunidade de discutir o que o processo de evolução tecnológica pode trazer nos próximos anos para a nossa convivência no espaço aéreo.

De forma simplificada, na área de comunicação aérea, a grande mudança é estarmos passando de um mundo de “comunicação por voz” para um novo de “troca de dados”. A pilotosfera ainda deve discutir muito o quanto isso engessa ou flexibiliza a realização de diferentes tipos de voo. O fato é que a tecnologia avança e impacta apenas um lado de uma tríplice que poderemos compreender melhor nessa coluna com novos textos, o conceito CNS (Comunicação, Navegação e Vigilância).

Se você ainda não viu nada a respeito de CPDLC sugiro ler essa notícia da ANAC e assistir ao vídeo produzido pelo DECEA.